Subscribe:

Ads 468x60px

3 de fevereiro de 2012

Mesmo desgastado com Ladeia, PR quer retomar o poder em Tangará


Luiz Acosta
Redação 24 Horas News -


Depois de perder o comando do município com a cassação do ex-prefeito Júlio César Ladeia, acusado de improbidade administrativa, o Partido da República (PR) tenta dar a volta por cima e voltar ao poder em Tangará da Serra (242 quilômetros de Cuiabá, na região Médio Norte do Estado) já nas eleições de 2012. Para tanto, definiu o nome do empresário do ramo de combustíveis, Rubens Jolando como pré-candidato do partido para a disputa da prefeitura, possivelmente contra o atual prefeito, Saturnino Masson (PSDB) eleito em 30 de setembro de 2011, em eleição indireta (onde só os vereadores votam) pela Câmara Municipal, quando obtve sete dos onze votos possíveis.

O anúncio da pré-candidatura foi feito na manhã desta quinta-feira (2), pelo deputado Wagner Ramos, único representante do PR na região e que vinha sendo cotado para assumir a candidatura a prefeito, na abertura do período legislativo, na Assembleia Legislativa.

Eleito como o quinto mais votado do Estado, com 33 mil votos, Wagner Ramos alegou que se tornou representante de vários municípios da região e que essa responsabilidade o impede de pensar unicamente em Tangará da Serra, embora defenda que o município necessite passar por uma grande reforma política para voltar a se desenvolver economicamente na mesma proporção de alguns anos atrás, quando chegou a ser considerada a cidade que maior crescimento anual apresentava em Mato Grosso.

"Conversei com as lideranças do meu partido e mostrei que meu compromisso agora é com toda a região. Que as pessoas que votaram em mim confiam no meu trabalho e esperam que eu continue a representá-los no Parlamento Estadual. Depois de uma avaliação criteriosa, as lideranças locais entenderam que Rubens Jolando possui todas as qualidades para iniciar uma carreira pública, nunca foi filiado a nenhum partido, por tanto, não tem vícios políticos, tem uma vasta folha de serviços prestados na área social, já que preside a APAE (Associação de Pais e Amigos de Excepcionais) a seis anos, além de ser uma força empresarial conhecida e respeitada por todos", justificou o deputado.

Wagner Ramos sabe que não vai ser fácil recuperar a imagem do PR em Tangará da Serra depois do desgaste causado pelo prefeito Júlio César Davoli Ladeia, que comandou o município nos últimos sete anos, e seu grupo político, porém, acredita que toda essa crise política que a cidade passou desde o mandato do ex-prefeito Jaime Muraro (DEM), serviu para amadurecer as lideranças políticas e principalmente os eleitores que, de acordo com ele "devem ser bem mais criteriosos nas eleições deste ano,conduzindo ao poder aqueles que realmente tem algo a dar para a coletividade. E, nesse quesito, não tenho nenhuma dúvida de que Rubens Jolando é o nome certo", concluiu.

0 comentários:

Postar um comentário

 
Blogger Templates