Subscribe:

Ads 468x60px

19 de fevereiro de 2014

Avião monomotor que caiu e matou Luiz Roberto Gonçalves decolou de Tangará da Serra

Luiz viajava com destino a Goiás

Um avião monomotor caiu no Assentamento da Ema, em Barra do Bugres, a 169 km de Cuiabá, nesta quarta-feira (19). A Polícia Militar do município informou que a aeronave explodiu quando estava no ar e duas pessoas que estavam a bordo morreram. Moradores do assentamento que presenciaram o acidente, ocorrido por volta de 9 horas, acionaram a PM.
"Os moradores disseram ter visto o avião e logo em seguida ouviram um estrondo. Nisso, a asa do avião se soltou e ele caiu de &39;bico&39; no chão", contou o sargento da PM, Marivaldo Magalhães. Segundo ele, não foi possível identificar o prefixo da aeronave por conta dos destroços. A PM isolou o local até a chegada de uma equipe de perícia.
O acidente ocorreu a aproximadamente 50 quilômetros de Barra do Bugres, no limite com o município de Alto Araguaia.
De acordo com informações de moradores de Nova Olímpia, os ocupantes da aeronave seriam o co-piloto (não identificado) e o empresário Luiz Roberto Gonçalves, candidato a prefeito nas últimas eleições em Nova Olímpia, ex-diretor agrícola da Usina Itamaraty e esposo de Marina Salvatore, ex-presidente da Câmara de Vereadores daquele município. O casal tem três filhos.
Ainda conforme moradores de Nova Olímpia, a aeroneve tinha decolado de Tangará da Serra com destino a Goiás, estado em que Luiz Roberto possui empresas.Com Barra News

0 comentários:

Postar um comentário

 
Blogger Templates