Subscribe:

Ads 468x60px

24 de junho de 2014

PDT confirma Carlos Fávaro como vice de Pedro Taques


Líderes dos partidos de oposição definiram o nome do ex-presidente da Associação de Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja-MT), Carlos Fávaro, como vice do pré-candidato ao Governo do Estado, senador Pedro Taques (PDT).

A confirmação foi feita ao MidiaNews pelo presidente regional do PDT, deputado Zeca Viana. “O vice já está definido, vai ser o Carlos Fávaro. Vamos anunciar sexta-feira, na convenção do PDT”, disse.

O anúncio do nome do produtor rural como companheiro da chapada de Taques é esperado desde o início do mês.

No entanto, o presidente do PSB, o prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes, passou a reivindicar a indicação de um nome da legenda na chapa majoritária, e sugeriu a deputada estadual Luciane Bezerra e do ex-secretário de Governo do Palácio Alencastro, Fábio Garcia (PSB), como opções.

A proposta do prefeito foi feita em reunião do grupo no último dia 9 deste mês. 

“O PSB é um partido irmão, não pode exigir muita coisa. Não vai haver desacordo, porque, no final, todos precisam ceder um pouco”, afirmou Viana.

Entre os critérios estabelecidos pelo grupo para escolha do vice estão densidade eleitoral, critério regional e critério de segmento.

Porém, por ser mais forte no "Vale do Cuiabá", Taques buscava um nome do interior do Estado. 

Para tanto, buscava atrair o agronegócio, um dos setores mais importantes da economia mato-grossense. 

Taques chegou a pedir que entidades como a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato), Associação dos Produtores de Soja do Estado de Mato Grosso (Aprosoja) e Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat) indicassem um nome para integrar a sua chapa.

Fávaro conquistou o apoio das associações e dos partidos que compõem o arco de aliança do senador pedetista.

Agora, de acordo com o deputado Zeca Viana, a deputada Luciane Bezerra deve ficar com a primeira suplência do senador Jayme Campos (DEM), que irá tentar se reeleger pelo grupo de oposição ao Governo.

Durante esta semana, as legendas realizam encontros para definir as chapas proporcionais.

Convenção oposicionista

O PDT realiza o encontro de correligionários na sexta-feira (27), com início marcado para as 16h e término às 20h, no Ginásio Verdinho, no bairro Morada da Serra (CPA).

A mesma data foi escolhida pelo PP, que aderiu recentemente ao grupo. 

Segundo o presidente do diretório regional em Mato Grosso, deputado estadual Ezequiel Fonseca, até o momento, o partido conta com 17 nomes previamente definidos para concorrer à Assembleia Legislativa. 

Os outros partidos que compõem o arco de alianças oposicionista também devem realizar suas convenções no dia 27. A exceção é o Pros, que realiza o encontro no dia 30. 

PPS, PSDB, DEM, PTB, PV, PRP, SDD, PRB, PSDC e PSC também fazem parte da aliança.Mídia News

0 comentários:

Postar um comentário

 
Blogger Templates